0

Mãe acha carta de filho após ele morrer: "ainda com vocês"

Leland Shoemake contraiu uma infecção rara e não sobreviveu

1 out 2015
19h50
  • separator
  • comentários

Na última sexta-feira (28), Leland Shoemake, de 6 anos, morreu depois de contrair uma infecção rara transmitida por uma ameba. Apesar do tratamento e remédios aos quais estava submetido, seu estado de saúde deteriorava continuamente. Após sua morte, seus pais foram para casa e encontraram um bilhete escrito por ele na escrivaninha. As informações são do site da revista People .

Foto: Prayers for Leland / Facebook / Reprodução

Siga Terra Estilo no Twitter

A carta escrita pelo menino dizia: "Ainda com vocês. Obrigado, mãe e pai. Amo vocês". Em entrevista à People , a mãe de Leland, Amber, contou que foi o marido que encontrou o bilhete. "Eu ouvi ele chorando e então ele veio até o quarto do Leland e me mostrou. Nós choramos juntos por muito tempo", afirmou.

Em sua página no Facebook, Amber falou sobre a carta do filho e disse que não sabe quando ela foi escrita. "Quando Tim e eu viemos para casa pegar roupas para o Leland ser enterrado, essa foi a carta que encontramos na mesa da sala . Não temos ideia de quando ele escreveu isso, mas você pode perceber que ele era uma criança muito especial", escreveu a mãe.

This is Amber. This will be my only post on here for awhile. I was over protective of Leland and tried my best to keep...

Posted by Prayers for Leland on Segunda, 28 de setembro de 2015

Amber também falou sobre o carinho que tem recebido após a morte do filho. "Eu sabia que ele era especial e todos o amavam, mas eu nunca imaginei que ele tocaria tantas pessoas. O apoio que temos recebido de pessoas da nossa comunidade e do mundo todo é maravilhoso", afirmou. "Nós estamos devastados e não temos ideia de como seguir em frente. Nosso filho Logan nos dá forças e nossa comunidade também. Acho que sem essas duas coisas nós estaríamos mais perdidos do que já estamos", declarou Amber.

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade