Amor e sexo

publicidade
19 de agosto de 2012 • 20h09

Veja 5 motivos que acabam com uma relação silenciosamente

Para salvar uma relação, vale a pena prestar atenção nos sinais menos evidentes
Foto: Getty Images
 

Se você pensa que amor e sexo são suficientes para manter um bom relacionamento, repense. Existem alguns padrões de comportamento que podem, silenciosamente, afundar até a mai promissora das relações. Sendo assim, o quanto antes identificar estes pequenos problemas, maiores as chances de reverter a situação. O site YourTango listou quais são estes padrões. Confira.

1. Você critica o seu parceiro bem mais do que expressa gratidão: pense por um momento como você se sente quando seu parceiro, amigo, familiar ou chefe coloca toda a atenção sobre algo que você não fez, ao invés de apreciar algo positivo. Terrível, não? Talvez você queira estar perto dessa pessoa cada vez menos e, se você repete este padrão de comportamento, seu parceiro também vai querer se afastar.

2. Você se agarra aos erros que ele cometeu no passado, ainda que ele esteja se esforçando para não repeti-los: se ele continua repetindo estes mesmos erros, é compreensível. Mas se você nota um esforço genuíno em direção à mudança, as reclamações são sem sentido. Quando você fixa suas ideias nos erros do passado e não celebra os esforços, você pune seu parceiro de maneira injusta e isso pode comprometer a relação.

3. Você e seu parceiro mostram sinais de depressão, mas nenhum dos dois busca ajuda: muitos dos sintomas da depressão não são tão perceptíveis, como a falta de sono e de energia, tristeza, sensação de inutilidade ou falta de esperança. Estresse, a perda de emprego ou de um ente querido podem contribuir para o quadro. Mas não se engane: a depressão não tratada distorce a sua percepção e o senso de esperança e de possibilidades. Se você e seu parceiro estiverem demonstrando estes sinais por mais de um mês, procure ajuda. Busque um terapeuta, converse com um médico de confiança e não descarte o uso de medicação se os sintomas persistirem.

4. Você fica na defensiva quando seu parceiro te dá um feedback: quando ele pontua algo sobre você que é irritante ou doloroso, como você reage? Você leva a sério ou começa a atacá-lo com frases do tipo: “Você faz isso também”? Se você age na defensiva, atenção. No lugar disso, respire fundo, considere se o que ele está dizendo é verdade e aceite com responsabilidade. Além disso, pare de dar feedback se você não está disposta a ouvir e praticar mudanças reais.

5. Você espera perfeição do seu parceiro: aprenda a escolher suas batalhas com sabedoria. Nós não podemos ter tudo de uma pessoa. Tente amenizar as coisas até onde você pode, tanto para o seu lado quanto para o lado dele. Dessa forma, você trará novos ares para um relacionamento sufocado pelo peso de expectativas irreais.

Terra