Mulheres são mais propensas a trair do que homens, diz estudo

2 jun 2013
10h21
atualizado às 11h41
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
Foto: Getty Images

Quando o assunto é traição, a culpa geralmente cai sobre os homens. No entanto, um novo estudo mostrou que, na verdade, as mulheres têm mais probabilidade de ter um affair do que eles. As informações são do site Female First.

Segundo a pesquisa, quatro em 10 mulheres tiveram casos paralelos a uma relação séria, comparado a apenas 12% dos homens. Já 3/4 deles confessaram que já consideraram a traição, mas não consumaram o fato, contra 85% delas. 

E as mulheres não ficam atrás nem mesmo em relação aos affairs de longo prazo: 14% delas admitiram que mantiveram um relacionamento clandestino, enquanto apena 4% deles assumiram o "crime". Ainda, o estudo concluiu que os indivíduos na faixa etária de 18 a 24 anos são mais propensos a trair por apenas uma noite, enquanto os mais velhos tendem a manter um affair. 

No entanto, embora a pesquisa mostre que as mulheres são mais propensas a trair, Anthony Wright, do site de namoro Casuals, que conduziu o estudo, acredita que elas apenas são mais honestas sobre suas intenções. "Esses resultados são totalmente o oposto do que imaginamos. Mas pode apenas significar que as mulheres são mais honestas sobre sua desonestidade", disse. 

Veja também:

Venezuela: os trabalhadores da saúde com salários de US$ 4 por mês e sem equipamentos de proteção
Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade