inclusão de arquivo javascript

Mulher

 
 

Empresa americana vende gatos antialérgicos

Cada gato da Allerca custa para o brasileiro US$ 6.950 + taxa de entrega. Foto: Allerca/Divulgação

Cada gato da Allerca custa para o brasileiro US$ 6.950 + taxa de entrega
Foto: Allerca/Divulgação

Os gatos e os homens têm a mesma região cerebral responsável pelas emoções. Esse é um dos motivos pelos quais os humanos se apaixonam pelos bichanos. No entanto, os felinos podem causar mais alergia aos seus donos que os "fiéis companheiros", os cachorros. Pensando nisso, uma empresa californiana está vendendo gatos geneticamente modificados que não causam mal aos seus proprietários.

» Veja fotos dos gatos
» Veja a foto ampliada
» Opine: você compraria um gato antialérgico?

Os gatos vendidos pela Allerca são idênticos aos encontrados nas pet shops, mas apresentam modificação no gene Fel D1 que faz com que os animais não produzam uma proteína secretada por sua pele e que causa alergia em algumas pessoas.

A proteína em questão está presente na saliva e também na pele dos gatos. Quando em contato com a pele humana pode causar irritação nos olhos, coceira e vermelhidão cutânea.

A idéia foi uma aposta da Allerca nos estudos do alergologista Dr. Sheldon Spector e sua equipe que desenvolveram o bichano. "Nossos estudos são únicos e mostram que os gatos produzidos pela Allerca são totalmente antialérgicos", afirma Dr. Spector.

Os animais não apresentam nenhuma alteração física durante seu crescimento. "A Allerca encontrou uma modificação natural na seqüência de genes dos gatos e isso faz com que o animal não sofra nenhuma alteração física ao longo da vida", explica a veterinária Dr. Bernadine Cruz.

Os gatos vendidos pela empresa são vacinados, têm garantia de um ano e certificado de saúde. O comprador ainda ganha três testes ao adquirir um dos bichanos: um para atestar se o ambiente é propício para o animal e dois para garantir que o dono não será alérgico ao novo companheiro.

Por US$ 6.950 (cerca de R$ 14.900,00 + taxa de entrega) é possível ter um gato da Allerca no Brasil. Os animais ainda ganham assistência médica de um ano e microship identificador por esse valor.

O único inconveniente de comprar um gato antialérgico é esperar até novembro de 2007 - para encomendas feitas ainda em setembro deste ano - e não poder escolher a raça e cor do animal.

"Estamos desenvolvendo a diversidade de raças e a escolha de cores", adianta a veterinária Dr. Bernadine Cruz.

Serviço
Allerca - Lifestyle pets
http://www.allerca.com
Redação Terra