Comportamento

publicidade

Veja 10 maneiras de lidar com o fim de um relacionamento

Especialistas recomendam conversar com vários amigos e membros da família e pedir para eles lhe dizerem o que eles gostam mais em você
Foto: Getty Images

Toda separação gera uma centena de conflitos internos, além de deixar os sentimentos à flor da pele e, muitas vezes, sem controle. Podem falar o que quiser, mas as dissoluções podem ser brutais. No entanto, apesar das dificuldades inúmeras, dividir as tristezas pode ajudar as pessoas a reagirem melhor a situação. O site Huffington Post lista dez maneiras saudáveis de lidar, com o fim de um relacionamento.

Não fuja da dor- "Não fuja de suas emoções. Sinta os seus sentimentos para poder processá-los", ensina a psicoterapeuta e especialista em relacionamento Rachel Sussman. A antropóloga Helen Fisher conduziu estudos examinando o cérebro em várias fases do amor usando imagens de ressonância magnética. Eles sugerem que no momento pós-separação, as pessoas têm atividade nas áreas de controle e obsessão. Durante o término, você pode se sentir louco. Se você aceitar que por um tempo você vai ficar obcecada, aceitar a tristeza e a ansiedade isso pode ajudar a não piorar as coisas.

Evite o álcool- A revista Men's Health realizou uma pesquisa e descobriu que 26% dos homens acreditam que para superar o fim nada melhor do que se embebedar com os caras. As mulheres também usam a bebida como catalisador da tristeza. Isso pode não ser a pior coisa do mundo para uma noite ou duas, mas beber não é uma maneira saudável de lidar com as emoções. O consumo de álcool como uma forma de lidar com o estresse e tristeza podem sinalizar o alcoolismo. Além do que, estudos têm mostrado uma forte ligação entre uso de álcool e depressão.

Escolha alimentos reconfortantes- Muitas pessoas quando terminam relacionamentos perdem imediatamente o apetite. "Sopas e ensopados são alimentos reconfortantes e uma boa escolha", disse a nutricionista Marissa Lippert.

Cuidado com a alimentação- "Você tem que ter muito cuidado com o que você come", disse Sussman."Não entre na 'dieta do divórcio'. Você precisa der nutrientes em seu corpo para que ele possa curar a dor." Quando você considerar uma mudança em sua dieta, você deve sempre se perguntar se está recebendo alimentos suficiente dos principais grupos, incluindo vegetais, proteínas magras, nozes e sementes.

Ligue para os amigos- Numerosos estudos têm destacado os benefícios da amizade para a saúde. Uma pesquisa recente sugere que o tempo gasto com seu melhor amigo diminui os níveis de cortisol, o hormônio do estresse. Agora que o seu relacionamento amoroso está terminado, considere rever os amigos que você tem encontrado tão frequentemente como gostaria.

Não sobrecarregue apenas um amigo- É muito importante você retomar as amizades, mas não sobrecarregue apenas um amigo com as suas dores. A chave é construir um sistema amplo de apoio para si mesmo, a fim de proteger e promover a boa saúde emocional. Esse sistema pode incluir amigos, familiares e até um terapeuta.

Lembre-se do seu valor - "Lembre-se de as suas realizações. Lembre-se que você não é definida pelo rompimento." Especialistas recomendam conversar com vários amigos e membros da família e pedir para eles lhe dizerem o que eles gostam mais em você, por escrito.

Prove coisas novas - "Há tempo e lugar para experimentar coisas novas", disse Sussman. "Nos estágios iniciais após a separação, vá com calma. Quando você estiver firmemente no caminho da recuperação, então você pode tentar coisas novas para ter mais confiança." Ela diz também que é um erro quando as pessoas não têm tempo para se adaptarem às suas novas circunstâncias.

Coma gorduras saudáveis - "As gorduras saudáveis, que são encontradas em alimentos como o salmão, abacate, nozes e azeite e podem contribuir para impulsionar o seu humor", disse Lippert, apontando para a pesquisa sobre os benefícios de ácidos graxos ômega 3. Lippert alertou que a curto prazo, você provavelmente não verá uma diferença enorme. Mesmo assim, basta saber que você está alimentando bem o seu corpo pode ajudá-lo a se sentir melhor.

Faça exercícios - "O exercício é muito bom e saudável," afirma Sussman. Ela explica que inúmeros estudos têm demonstrado que a atividade física pode ajudar a liberar substâncias químicas ligadas ao bem-estar. Se você sente que você tem raiva e precisa liberar, tente algo como boxe ou kickboxing. Se você está procurando algo positivo, experimente uma aula de dança. Para algo mais suave e relaxante, opte pela ioga.

Terra