0

Um terço dos homens já fingiu orgasmo, diz pesquisa

24 fev 2013
14h33
atualizado às 16h51
  • separator
  • comentários

Um estudo realizado pela Universidade de Kansas, divulgado pelo jornal Daily Mail, apontou que sete em cada 10 mulheres já fingiram orgasmo, enquanto a taxa entre os homens ficou em 28%. Pessoas dos dois sexos declararam os mesmos motivos: o clímax do parceiro foi intimidante, fazendo com que eles se sentissem pressionados a expressar seu orgasmo. Outras razões citadas foram o desejo de terminar sem machucar os sentimentos do parceiro e o tédio após perceber que não chegariam lá.

<p>A pressão por sentir e dar prazer pode fazer homens fingirem orgasmo</p>
A pressão por sentir e dar prazer pode fazer homens fingirem orgasmo
Foto: Getty Images

A pesquisa, publicada no Journal of Sex Research, questionou 281 homens e mulheres sobre seus hábitos sexuais. Com isso, os pesquisadores descobriram que, em muitos casos, as pessoas fingiram orgasmo por se sentirem sob muita pressão para que realmente aproveitassem o sexo, especialmente os homens.

<p>Não magoar o parceiro e proteger a relação são motivos apontados por mulheres para fingir orgasmo</p>
Não magoar o parceiro e proteger a relação são motivos apontados por mulheres para fingir orgasmo
Foto: Getty Images

Segundo o relatório, a ênfase dada à capacidade de um homem dar um orgasmo de fazer a terra tremer às suas parceiras às vezes leva os dois a fingirem para tentar atingir essa expectativa.  "Algumas mulheres podem sentir que precisam fornecer evidências a seus parceiros de que estão se divertindo", defende a especialista em sexo Tracey Cox, da linha de produtos eróticos Lovehoney. Outro caso indicado pela especialista é o de mulheres que têm dificuldade para chegar lá por meio da penetração.

No ano passado, um estudo realizado pela Universidade de Columbia afirmou que as mulheres usam os orgasmos falsos como uma forma de se prevenir contra a perda do companheiro. Outro estudo de 2011, da Universidade Temple, até sugeriu que as mulheres fingem orgasmos por estarem cheias de inseguranças e com medo de intimidade.

Ainda, outro estudo recente realizado pela Universidade de Leeds mostrou que pessoas que se expressavam em um volume alto no quarto relatavam ter uma vida sexual melhor. Segundo os especialistas, esse tipo de comunicação geralmente dá mais segurança, especialmente às mulheres, sobre a qualidade da performance na cama.

 

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade