Comportamento

publicidade
03 de abril de 2014 • 17h12 • atualizado em 04 de Abril de 2014 às 07h16

Pai com doença terminal 'casa' filha de 11 anos

Fotógrafa teve a ideia do casamento e conseguiu reunir doações para concretizá-lo

Com doença terminal, pai 'casa' filha de apenas 11 anosClique no link para iniciar o vídeo
Com doença terminal, pai 'casa' filha de apenas 11 anos

O americano Jim Zetz, de 62 anos, tem câncer de pâncreas terminal, e “casou” a filha Josie, de 11, para realizar o sonho de levá-la ao altar. No dia do aniversário da garota, o pastou os declarou “pai e filha”. Os dados são do jornal Daily Mail.

A ideia foi da fotógrafa Lindsey Villatoro, que conheceu Zetz e Josie quando tirou um dos retratos finais da família. Comovida com a história e com o fato de a pequena estar chateada por seu pai não poder estar presente nas memórias futuras, decidiu ajudar.

Ela sugeriu o casamento e, em apenas 72 horas, conseguiu R$ 4 mil em contribuições financeiras da comunidade local, garantindo bolo, decoração, vestido, flores, dia da noiva.  "Um dia, acorda e percebe que você está dado a oportunidade de mudar a vida de alguém para melhor. Se você ter uma ideia, não pense duas vezes e corra atrás”, disse a fotógrafa. “Josie, você sempre vai ter um vídeo de você e seu pai andando até o altar para mostrar no seu casamento nos próximos anos, como se ele estivesse fisicamente lá”, completou. “No futuro, isso vai significar muito para Josie”, comentou o pai.

Realizada no quintal dos fundos da casa, no dia 14 de março, a cerimônia contou com a presença de amigos, familiares e até desconhecidos. “Seu pai não pode vê-la se casar, mas ele está aqui para levá-la até o altar hoje”, disse o pastor. O pai colocou um anel no dedo indicador da menina. Após o “casamento”, os dois compartilharam de um momento de silêncio e, então, participaram da recepção. A garota se emocionou e aparece chorando em algumas fotos, mas também esbanjou sorrisos.

 

Terra