0

Conheça a Síndrome Urológica Felina e os seus sintomas

Saiba que tipo de consequência a SUF pode causar no seu bichano e de que forma identificar o problema

13 mai 2014
09h25
  • separator
  • 0
  • comentários

Como muitos donos de pets já sabem, a insuficiência renal é, hoje, uma das principais causas de morte entre os animais de pequeno porte e quem tem um bichano de estimação em casa deve ficar de olho nos sintomas associados a este tipo de complicação, como os da Síndrome Urológica Felina. Podendo provocar o comprometimento da saúde do gato em pouco tempo, a SUF, quando não tratada, pode se transformar rapidamente em um quadro de insuficiência renal - piorando bastante o estado de saúde do animal e aumentando, inclusive, o risco de óbito.

<p>&Eacute; preciso manter o gato sempre hidratado para evitar a SUF</p>
É preciso manter o gato sempre hidratado para evitar a SUF
Foto: Getty Images

Desencadeada por motivos dos mais variados, esta síndrome comum entre os felinos pode ter sua origem facilitada por itens que incluem desde a falta de atividades físicas até a desidratação, a obesidade, a adoção de uma dieta pouco úmida e a idade avançada do bichano em questão. Gatos machos com idade a partir de dois anos também contam com chances maiores de desenvolver o problema, que também pode ser gerado em função do aparecimento de tumores, do contágio por vírus ou bactérias e até por períodos de estresse alto.

Exposto isso, não é difícil entender que é possível tomar algumas medidas práticas e simples para evitar riscos maiores de que o bichano seja acometido pela SUF – como os de incentivar a prática de exercícios do animal, vaciná-lo contra as principais doenças felinas, controlar a quantidade de alimentos da dieta e estimular a micção do gato por meio da hidratação constante.

Entretanto, nem sempre estas medidas são uma garantia de que o animal não terá que enfrentar o problema em algum momento de sua vida e, portanto, é fundamental saber quais são os sinais que indicam a presença de algum problema relacionado ao funcionamento renal do pet – podendo iniciar um tratamento rápido e eficiente, se houver motivos para tal.

Entre os principais sintomas apresentados pelos bichanos de estimação comprometidos pela Síndrome Urológica Felina podemos citar:

- Micção frequente, porém, em pequena quantidade
- Presença de dor e dificuldade na hora de urinar
- Presença de sangue na urina do gato (hematúria)
- Inapetência
- Vômitos
- Tristeza ou depressão
- Ausência de urina de um modo geral (anúria)
- Mudanças comportamentais que podem incluir atitudes como urina fora de lugar
- Desconforto e dor abdominal constante

Embora todos estes sinais possam surgir em um bichano com SUF, a presença de sangue na urina e as mudanças de comportamento do animal são, em geral, os primeiros a serem notados e, por isso, é importante ficar de olho para o surgimento desse tipo de sintoma no seu pet.

Quanto antes os sintomas forem notados e um diagnóstico preciso for feito, maiores serão as chances de que o animal se recuperar – sendo que o tratamento para a SUF é indicado de acordo com o nível da doença e, principalmente, com o problema que desencadeou o quadro, podendo ser indicado com segurança somente por um médico veterinário profissional.

Acesse o link e saiba onde encontrar clínicas veterinárias para cuidar da saúde do seu felino.

Matéria validada pelo Dr. Fábio Toyota (CRMV – SP 10.687), Médico Veterinário formado pela Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia – Unesp e responsável pelo setor de Oncologia Médica e Cirúrgica em Hospital Veterinário de São Paulo. Dr. Toyota é integrante da equipe de veterinários do portal CachorroGato.

 

Curso de patologia veterinária de cães e gatos Curso de patologia veterinária de cães e gatos
Aprenda um pouco mais sobre a saúde de cães e gatos e saiba como cuidar melhor do seu amiguinho. Curso certificado pelo MEC por apenas R$ 29,90

Cachorro Gato
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade