publicidade

Confira 10 dicas para organizar a ceia de Natal

A melhor forma de evitar inconvenientes é, sem dúvida alguma, investir na organização
Foto: Getty Images
 
Patricia Zwipp

O Natal se aproxima e já está mais do que na hora de pensar nos preparativos para a ceia. A melhor forma de evitar inconvenientes é, sem dúvida alguma, investir na organização. Agrade os parentes e amigos seguindo 10 dicas simples, listadas pelas consultoras de organização Cinthia Albernaz Apipi e Kelly Cristina Albernaz:

1) Não deixe de pensar em tudo com antecedência, incluindo a lista de convidados e a preparação dos convites. A confirmação de presença é imprescindível para se saber o número de pessoas, o tipo de recepção e o que será servido;

2) Uma sugestão prática é o serviço de bufê à americana. Assim, todos ficam à vontade e podem se servir em uma mesa central, onde os pratos salgados estão dispostos. As sobremesas devem permanecer em uma segunda mesa. Pratos, talheres e guardanapos ficam na dos convidados ou em uma à parte. Se possível, prepare uma para as crianças, já que não se adaptam muito a esse tipo de jantar;

3) Caso não tenha mesa para todos, é importante providenciar apoio de colo e/ou bandejas de colo;

4) Por tradição, a ceia é servida à meia-noite, mas nada impede que você mude o horário ou ainda conte com uma mesa de petiscos com frios, frutas secas, frutas oleaginosas;

5) As bebidas podem ficar na cozinha e serem servidas por garçons contratados (se possível). Na hora de comprá-las, deve-se levar em consideração o número de adultos que ingerem álcool e os que não (incluindo as crianças). A partir disso, adquira pelo menos três tipos de bebidas alcoólicas (cerveja, vinho e champanhe), além de refrigerante, suco e água (gaseificada e natural), aproximadamente 500 ml por convidado (refrigerante e/ou suco);

6) Em relação a pratos quentes, calcula-se cerca de 550 g por pessoa, sendo que crianças comem menos e, alguns adultos, mais. Dois perus de 5 kg cada um, servem, por exemplo, aproximadamente 24 pessoas. Cuidado com receitas muito exóticas, pois podem não agradar a todos os paladares;

7) Faça uma lista para não se perder na organização, incluindo a programação do horário de preparo dos pratos natalinos, principalmente porque alguns demoram a ficar prontos e devem ser temperados com até dois dias de antecedência;

8) Reserve um espaço especial para que as crianças brinquem à vontade;

9) Faça uma coletânea com músicas natalinas e também com as suas preferidas (seja eclético para agradar a todos);

10) Decore sua casa com motivos de Natal, sem se esquecer de uma grande árvore para acomodar todos os presentes. Presenteie cada família com algo especial como forma de agradecimento pela presença.

Especial para Terra